Planservice
Área Restrita English Português

Notícias - Notícias Planservice

Investimentos no setor hoteleiro pode chegar a R$ 7 bilhões até 2015

25/02/2014

Em decorrência dos eventos esportivos que estão marcados no Brasil, como a Copa do Mundo, que acontecerá neste ano, e os Jogos Olímpicos, em 2016, no Rio de Janeiro, o setor Hoteleiro vem se preparando para atender toda a demanda desde 2009. 

Uma pesquisa feita recentemente pelo Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) – que representa 25 redes hoteleiras nacionais e internacionais com atuação no País – aponta um crescimento de 12% na quantidade de unidades habitacionais entre 2009 e 2016. A quantidade de apartamentos foi ampliada de 440,8 mil para quase 500 mil este ano, um aumento de 13%. Com a ampliação no número de empreendimentos, todas as cidades-sede terão, este ano, quantidade de leitos maior do que a demanda estimada para o período da Copa.

A expectativa é que o Brasil alcance até 2016, 535 mil apartamentos em 10,1 mil estabelecimentos hoteleiros em todo o território nacional. Somente nas 25 redes hoteleiras, gerenciadas pelo FOHB, os investimentos podem chegar a R$ 7 bilhões até 2015, sem falar na geração de empregos diretos e indiretos que tende a crescer fortemente. A estimativa para este ano é de 560 mil trabalhadores, e em 2016, estão previstos 600 mil trabalhadores empregados. Esses investimentos implica no aperfeiçoamento da infraestrutura, construção de novos empreendimentos e capacitação profissional. 

Em contrapartida, a pesquisa aponta que os valores das diárias médias em 2013, cresceram muito em relação ao ano anterior. Portanto, começará uma briga acirrada de valores entre os hotéis. 

Segue abaixo alguns dados de projeções do setor hoteleiro em todo o Brasil:

• 21% de projeção de crescimento na quantidade de unidades habitacionais entre 2009 e 2016;

• 535 mil apartamentos em 10,1 mil estabelecimentos hoteleiros até 2016;

• 13% de crescimento no número de apartamentos entre 2009 e 2014; 

• 500 mil unidades habitacionais disponíveis em todo o território nacional em 2014; 

• 28% de crescimento na geração de empregos entre 2009 e 2016;

• 560 mil trabalhadores diretos e indiretos empregados no setor em 2014;

• Projeção de 600 mil trabalhadores diretos e indiretos empregados no setor em 2016.

20 anos de atuação no setor Hoteleiro

Nos seus quase 25 anos de experiência, a Planservice teve seu primeiro envolvimento no setor hoteleiro em 1994, realizando a coordenação de projetos de engenharia, planejamento e controle do Hotel Gran Mélia/ WTC.  Através deste projeto, a Planservice abriu um leque de atuação, investiu em tecnologia, elaborou manuais de normas técnicas e procedimentos e trabalhou no desenvolvimento de novos serviços. 

Contando com esta nova estrutura, a Planservice realizou vários outros projetos no setor Hoteleiro, tais como o gerenciamento da obra do Warapuru Hotel & Resort (2005/2008), localizado em Itacaré – BA, com aproximadamente 44.000m², o Hotel Fasano Trancoso, também localizado na Bahia no município de Trancoso com aproximadamente 25.000m², obra que iniciou em 2009 que ainda está em andamento.

Desde 2011, a Planservice, em parceria com a gerenciadora inglesa MACE, vem trabalhando na gestão do projeto de um Hotel de Luxo em SP. O hotel de alto padrão localizado no Jardim Paulista, tem seu projeto conceitual idealizado pelo escritório do Arquiteto Norman Foster, contando com aproximadamente 57.000m². 

Em outro case recente, em um hotel no Rio de Janeiro, com área de 8.000m, a atuação da Planservice foi determinante para a viabilização do empreendimento. “Fomos procurados porque o custo do empreendimento ultrapassava a expectativa do cliente. Conseguimos neste caso rever parte das condicionantes operacionais e, em função delas, alterar também os projetos trazendo o investimento em obras para a faixa de viabilidade”, explica Fernando Fahham, sócio-diretor da Planservice.